fbpx

Desmistificando os modos gregos 6/15: Modos em paralelo

Já vimos no artigo anterior todos os modos em serie – a serie de modos que derivam da escala maior. Mas o que é realmente interessante e onde você começa a ver onde tudo isto vai parar é quando começa a olhar para os modos em paralelo – o que significa que olhamos para todos os modos com o mesmo centro tonal. Então vamos começar por olhar para todos os modos com o centro tonal .

Vamos ter de fazer um pouco de cálculo inverso aqui – existem formas mais fáceis de fazer o que vamos mostrar, mas é melhor você entender como encontrar as respostas antes de lhe mostrar qualquer atalho. Então vamos olhar para os modos gregos com a nota Dó como centro tonal – e espero que tenha decorado a ordem dos modos no artigo anterior, e que saiba a ordem de tons e semitons da escala maior.

Se não tem estes assuntos bem esclarecidos e ainda não sabe bem a forma como os acordes são montados aconselhamos que veja o Teoria musical fundamental, e volte quando dominar esses assuntos, de outra forma vai acabar com uma terrível dor de cabeça e mais confuso que quando começou!

pack-piano
Pacote completo para aprenderes a tocar piano.

Assegure-se que já entendeu os termos campo harmónico e centro tonal mostrado no primeiro artigo. Isto vai ser importante. Então sabemos que o primeiro modo com o centro tonal Dó será Jônio, o modo Jônio e o campo harmónico têm a mesma nota como tónica, então:

Dó Jônio = escala de Dó maior

Esta foi bastante fácil. O segundo modo grego é o Dórico. Para descobrir o campo harmónico de Dó Dórico tem de se perguntar “Dó é a segunda nota de que escala maior?“. Pense um pouco e decida se sabe a resposta. A resposta encontra-se na equação da escala Maior: T T S T T T S (T= Tom, S= Semitom) – A partir daí pode saber que a segunda nota da escala maior é um tom acima da tónica. Para trabalhar o modo vamos andar na ordem inversa. Dó é a segunda nota da (conte um tom para trás)…Escala de Si bemol maior! Não é tão difícil assim, mas assegure-se que entende isto – vamos fazer mais um teste mas à frente para o obrigar a pensar.

Dó Dórico = Escala Si bemol maior

(O tónica do campo harmónico do modo dórico é um tom abaixo do centro tonal do modo)

De seguida queremos encontrar o terceiro modo grego, que é o Frígio, e queremos encontrar o Dó Frígio, então temos de contar dois passos para trás na escala maior – que são dois semitons certo? A equação da escala maior começa com T – T, então contamos dois tons para trás do Dó que dá… Lá bemol. Repare que chama-mos Lá bemol e não Sol sustenido porque contámos de forma descendente na escala (Dó, Si, Lá).

Dó Frígio = Escala de Lá bemol Maior

Esperemos que isto esteja a fazer sentido na sua mente, de seguida olharemos para o modo Lídio, que é o quarto modo da escala maior. Queremos encontrar Dó Lídio, então perguntamos “Dó é a quarta nota de que escala maior?”, então temos de recuar três passos na escala maior… Veja a equação da escala maior, T – T – S, então temos de descer dois tons e um semitom a partir de Dó. Consegue descobrir? Há uma forma mais fácil de fazer isto mas será explicada mais tarde, mas como disse terá de aprender isto da forma mais longa primeiro… Então meio tom abaixo de Dó = Si, um tom a baixo = Lb, mais tom a baixo = Sol.

Dó Lídio = Escala de Sol maior

Já vamos a mais de metade. De seguida temos o quinto modo, Mixolídio. Como já sabe vamos procurar Dó Mixolídio, então de novo… Dó é a quinta nota de que escala maior? Agora descerá T -T – S – T. Conte descendentemente com calma e encontre por si. Você consegue.

Dó Mixolídio = Escala de Fá Maior

O modo Aeólio é o próximo, o sexto modo. Para este teremos de contar para trás T -T -S -T -T – o que é bastante.

Dó Aeólio = Escala de Mi bemol Maior

Por último e não menos importante vamos lá…. T – T – S – T – T – T para trás a partir de Dó e obtém:

Dó Lócrio = Escala de Ré bemol Maior

Conseguimos! Esperemos que a sua cabeça não esteja a doer. A maneira mais rápida de aprender as coisas é

fazendo-as

, portanto daremos uns pequenos exercícios para você fazer em vez de ler só, para assim acelerar a sua compreensão sobre este artigo, e no próximo artigo aprenderá alguns atalhos e assegurar que encontra o campo harmónico de qualquer modo em alguns segundos! Mas antes dispense um tempo para fazer os seguintes exercícios, asseguro-lhe que isto lhe trará muitos benefícios!

Exercício!

Então, olhámos para todos os modos gregos com o centro Tonal de Dó. O que pretendo que você faça é utilizar o mesmo método visto em cima, contando para trás a partir do centro tonal SOL para encontrar o campo harmónico de todos os modos em Sol. Então irá encontrar todos os campos harmónicos para todos os modos em Sol, Sol Jônio, Sol Dórico, Sol Frígio, etc… por exemplo

Sol Dórico = Escala de Fá maior;

Uma vez que acabe todos os modos em Sol, pode tentar noutro tom.

Faça estes exercício e só depois avance para o próximo artigo.

Ricardo Frade

https://www.facebook.com/RicardoF.Guitarra/

Professor de guitarra e criador da Academiamusical.com.pt, Ricardo Frade é um apaixonado pela música e pretende incentivar o estudo da música em Portugal e Países Lusófonos.

O seu instrumento primário é a guitarra. O instrumento secundário é o piano. É aficionado por bandas sonoras instrumentais, área onde ambiciona atuar. Trabalha com ensino musical, produção musical e deseja conseguir contribuir para a dinamização do ensino da música em Portugal.

Deixa aqui um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.