fbpx

Como criar boas linhas de baixo – Parte 3

Vamos para a terceira parte da nossa serie de artigos sobre criação de linhas de baixo. A última técnica que vimos foi a utilização de tríades nas linhas de baixo, agora vamos expandir a utilização das notas e utilizar sextas e sétimas e a escala pentatónica. Para ver os artigos anteriores: Como criar boas linhas de baixo- parte 1 / Como criar boas linhas de baixo – parte 2.

Sextas e sétimas

Outra técnica popular na criação das linhas de baixo envolve a utilização da sétima nota do acorde, particularmente a tónica, a quinta e a sétima menor. A sexta é também uma alternativa popular à sétima, especialmente em acordes maiores, porque é uma nota que pode ser utilizada para adicionar interesse melódico  à linha de baixo que de outra forma só utilizaria a tónica, quinta e oitava:

O próximo exemplo continua com a mesma progressão de acordes, Am, Dm, G, e Am.

Criar linhas de baixo

Repare que nos primeiros dois compassos utilizamos a sétima, no acorde maior utilizámos a sexta e a quinta como aproximação ao último compasso.

Escala pentatónica

Os baixistas muitas vezes utilizam a escala pentatónica porque esta oferece uma variedade de notas que podem ser utilizadas com propósitos decorativos dentro de um acorde. A escala pentatónica tem também a particularidade mágica no sentido de que não importa a ordem que as notas são tocadas, elas parecem soar sempre bem. O improviso em escalas pentatónicas é por isso muito apreciado por guitarristas e baixistas. Se tivermos um acorde menor então a iremos utilizar a pentatónica menor. A escala pentatónica menor difere da escala menor natural em duas notas: Retiramos a segunda e a sexta notas e temos a escala pentatónica menor, uma escala de cinco notas. Para mais sobre escalas menores e maiores visite o nosso curso de teoria musical. Vamos ao exemplo:

Linhas de baixo

Repare que as notas que não fazem parte dos acorde são utilizadas mais como efeito decorativo, servindo principalmente como notas de passagem entre as notas do acorde.

Ricardo Frade

https://www.facebook.com/RicardoF.Guitarra/

Professor de guitarra e criador da Academiamusical.com.pt, Ricardo Frade é um apaixonado pela música e pretende incentivar o estudo da música em Portugal e Países Lusófonos.

O seu instrumento primário é a guitarra. O instrumento secundário é o piano. É aficionado por bandas sonoras instrumentais, área onde ambiciona atuar. Trabalha com ensino musical, produção musical e deseja conseguir contribuir para a dinamização do ensino da música em Portugal.

Deixa aqui um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.