fbpx

Aprendendo música sozinho

Como já muitos devem ter conhecimento, aprender música, é estudo para toda a vida. Muitas crianças são colocadas em conservatórios ou escolas de música pelos pais, e a partir daí iniciam a sua jornada no mundo da música No entanto há quem não tenha tido essa hipótese, e mesmo assim, partilha do amor à música e da vontade de crescer na música. Então é possível aprender música sozinho? Existe uma idade para aprender música.

Comecemos pela segunda questão:

  • Como opinião pessoal é um redondo NÃO! Não existe idade para se iniciar na música definitivamente. Muitas pessoas têm esse “entrave” para se iniciar, pois pensam que são “velhas” para aprender. Velhos são os trapos meus amigos, qualquer cérebro tem a capacidade de aprender seja em que altura for, é preciso sim vontade, dedicação e perseverança.
  • Na primeira questão sim, mas depende. É possível aprender música sozinho, no entanto existem algumas características para que isso seja possível, sendo as mais importantes a determinação, paixão, perseverança e paciência. No fim nunca estaremos a aprender sozinhos. Hoje em dia existem muitos recursos de aprendizagem, como a internet. O ponto crucial aqui, é que quem estuda sozinho precisa de ter o dobro da vontade, o dobro da dedicação, o dobro da disciplina e o dobro da organização. O primeiro passo é o mais difícil: -saber por onde começar. Por essa razão também existe o site da academiamusical.com.pt, para dar um norte a quem queira aprender música. No entanto depois de iniciado, inevitavelmente quem aprende música terá contacto com outros músicos, amadores ou profissionais, que partilharão conhecimento consigo. Então, acredito que sim, com vontade, e persistência você consegue tudo o que quiser. Não guarde a sua vontade de aprender música, comece já hoje.
Ricardo Frade

https://www.facebook.com/RicardoF.Guitarra/

Professor de guitarra e criador da Academiamusical.com.pt, Ricardo Frade é um apaixonado pela música e pretende incentivar o estudo da música em Portugal e Países Lusófonos.

O seu instrumento primário é a guitarra. O instrumento secundário é o piano. É aficionado por bandas sonoras instrumentais, área onde ambiciona atuar. Trabalha com ensino musical, produção musical e deseja conseguir contribuir para a dinamização do ensino da música em Portugal.

Deixa aqui um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.