Marty Friedman diz que prefere mastigar vidro do que ouvir Jimi Hendrix

12 Agosto, 2015 0 Comments Noticias 439 Views
Marty Friedman diz que prefere mastigar vidro do que ouvir Jimi Hendrix

E

sta é uma daquelas declarações que inevitavelmente abana com os fãs e causa controvérsia. Jimi Hendrix é considerado por muitos como o melhor guitarrista de todos os tempos. Mas nem toda a gente é fã de Hendrix, incluindo o guitarrista ex Megadeth Marty Friedman.

Numa entrevista à Ultimate Guitar, Marty Friedman disse que “prefere mastigar vidro que ouvir Hendrix“. Ele ainda acrescenta: “Nunca gostei muito. Quando penso no Hendrix, vem à mente uma imagem de um monte de hippies a rolar na lama e a tripar em ácido e isso não me fascina nem um pouco. E todo o barulho e feedback que não gosto. ‘Tocar afinado’. Sou fã da afinação e é por isso que provavelmente não gosto do Dylan, porque as coisas ficam desafinadas e isso mata-me”.

Friedman continua, “Mas de novo, todos os meus guitarristas favoritos gostam de Hendrix. Sou um grande fã de UIli Jon Roth e ele é um grande guitarrista. Ele provavelmente adora tanto o Hendrix como a própria mãe do Hendrix o adorava. Todos os guitarristas que eu respeito adoram Hendrix então eu sei que existe alguma coisa nele. Eu apenas nunca o consegui entender, porque nunca se encaixou nas minhas experiências.”

Depois de receber algum feedback sobre o seu comentário na entrevista, Friedman publicou a seguinte clarificação no Facebook:

“Quando eu era um guitarrista iniciante, todos os bons guitarristas na cidade iriam dizer-me que eu devia ouvir este tipo ou aprender do seu álbum, ou ver este ou aquele mestre da guitarra. Claro que eu queria impressionar os meus amigos assim como ‘aprender com os melhores’ então eu verifiquei diligentemente todos os guitarristas mais respeitados.

Logo eu percebi que apesar dos artistas que me eram sugeridos serem certamente mestres brilhantes, eu não me divertia ao analisar a sua música, ou porque eu não a entendia, ou porque não me dizia nada, assim como um trabalho de casa passado por um professor.

Quando eu mergulho em música que eu realmente gosto, mesmo que seja música algo obscura e ‘não aprovada pelos grandes guitarristas’ eu realmente desfruto do processo de aprender e como resultado acabei por ficar apto a decidir o que quero tocar na minha própria música.”.

Em resposta a um comentário de um leitor, Friedman também publicou “Eu explico isto porque um monte de miúdos cai na armadilha da pressão de grupo neste assunto e eu acredito que eles vão desfrutar mais da música se ouvirem isto de mim.”

Marty Friedman vai embarcar na sua primeira turné na América depois de uma década, começando a 9 de Setembro em Baltimore.

Comentários

Comentários

About author

Related articles

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!